Se você está pensando em viajar para a Europa, não pode deixar de conhecer a cidade luz – Paris! Caminhar ao acaso e praticar a arte da observação são os melhores jeitos de conhecer esse lugar encantador. Dessa forma, será impossível não só se deparar com diversos cartões postais em seu caminho e também pequenos mercados, cafés etc. que completam o charme que permeia toda a atmosfera parisiense.

foto by agaw.dilim - via Flickr CC

foto by agaw.dilim - via Flickr CC

Tendo essas diretrizes em mente ficará fácil desfrutar a cidade. Além da opção de caminhar, você também pode optar pela alternativa de alugar uma bicicleta por apenas € 1 por dia (saiba mais informações no site: Velib Paris ) ou também utilizar o metrô que se encontra por todos os cantos de Paris.

Alguns lugares são pontos obrigatórios de visita, dentre eles estão a magistral Tour Eiffel, o ilustre Museu do Louvre, o Arco do Triunfo, a Catedral de Notredame, os Jardins de Luxemburgo, a Champs-Elysées, o bairro Montmartre (imortalizado por pintores e escultores boêmios) e a Igreja Sacré-Coeur e o maior símbolo de ostentação da corte francesa: o Palácio de Versalhes.

foto by Moyan_Brenn - via Flickr CC

foto by Moyan_Brenn - via Flickr CC

Além deles também não deixe de conhecer a Ponte Alexandre III – uma das mais bonitas de Paris, o prédio barroco Les Invalides, o Grand Palais e o Petit Palais – este último costuma ter exposições gratuitas de obras de Courbet e Cézanne, o Museu Rodin e d´Orsay (comprar ingresso casado para uso no mesmo dia sai mais em conta), Palais de Justice – que tem como seu ponto alto a capela Saint Chapelle e a Conciergerie (local onde os condenados aguardavam pela guilhotina), o Mercado de Flores, a Place de La Concordia,o  Jardim das Tulherias, o Parque La Villette, o Espace Dali, o mercado de pulgas Puces de Saint-Ouen, o Centro Georges Pompidou, a Place dês Voges e o famoso cabaré Moulin Rouge.

Não se esqueça de apreciar e saborear os deliciosos restaurantes, cafés, creperias e bares espalhados por Paris!

Boa Viagem!

foto by Joan Fabrégat - via Flickr CC

foto by Joan Fabrégat - via Flickr CC

Fontes: Viaje na Viagem e Revista Viajar pelo Mundo – edição março 2011